Saúde Visual - Fábrica dos Óculos da Amadora
Site preloader
Fábrica dos Óculos da Amadora
Fábrica dos Óculos da Amadora
Av. D. Nuno Alvares Pereira 2C Loja E
2700-256 Amadora
2ª - 6ª Feira | Sábado
9.30h às 19h | 9.30h às 13h
215 993 354
Telefone

Saúde Visual

Sabia que cerca de 60% das cegueiras podem ser evitadas se for diagnosticado no início algum problema com a sua visão?
É importante realizar consultas periódicas no Oftalmologista, só assim é possível diagnosticar e iniciar tratamentos de correcção com maior brevidade.
Na Fábrica dos Óculos da Amadora temos uma equipa de profissionais prontos para o ajudar.
Se tem antecedentes de alguma doença familiar como a hipertensão, a diabetes, problemas na tiroide e doenças reumáticas não pode descuidar da sua saúde visual e deve informar o seu oftalmologista desta informação.

Visão dos bebés e Crianças

Os mais pequenos por vezes têm mais dificuldades em expressar-se e torna-se mais complicado perceber se existe algum problema relacionado com a sua visão. Por isso é importante estar atento aos olhos das crianças, principalmente no primeiro ano de vida dos bebés.

Nos primeiros meses de vida dos bebés a sua visão não é tão nítida, nem a sua capacidade de focar ou de mexer os olhos com tanta precisão, contudo estas capacidades vão se desenvolvendo ao longo do primeiro ano de vida do bebé.

No primeiro mês de vida do bebé, as suas pupilas são bastante pequenas, o que limita a quantidade de luz que entra nos olhos, por isso a sensibilidade à luz é muito baixa.

No segundo e terceiro mês de vida do bebé, este começa a desenvolver a visão muito rapidamente, por isso é necessário estimular a sua visão, através de cores fortes em objetos. Do quarto ao sexto mês de vida, o bebé já começa a desenvolver a percepção de profundidade.

Aos seis meses vários especialistas oftalmológicos recomendam que o bebé faça uma avaliação oftalmológica.

Ao décimo mês de vida é importante tomar atenção às luzes projetadas pelos aparelhos electrónicos, pois podem prejudicar a visão do bebé. Não é muito comum haver problemas visuais nos bebés, contudo nas crianças o caso pode ser diferente.

Nas crianças os sintomas que se podem manifestar, são:

  • Aproximar-se dos dispositivos eletrónicos ou dos objetos para ver melhor
  • Elevada sensibilidade à luz
  • Semicerrar os olhos para focar os objetos
  • Comichão nos olhos

É importante realizar frequentemente um rastreio visual nas crianças entre os 3 e os 5 anos de idade, dado que as grandes transformações podem ocorrer nestas faixas etárias, é necessário estar atento ao desenvolvimento visual das crianças. Um problema comum que pode ser corrigido inicialmente nestas idades, é o estrabismo.

Com a realização de um rastreio precoce, é possível evitar os défices visuais, que consequentemente podem ter repercussões maiores no futuro.

Visão dos bebés e Crianças

Os mais pequenos por vezes têm mais dificuldades em expressar-se e torna-se mais complicado perceber se existe algum problema relacionado com a sua visão. Por isso é importante estar atento aos olhos das crianças, principalmente no primeiro ano de vida dos bebés.

Nos primeiros meses de vida dos bebés a sua visão não é tão nítida, nem a sua capacidade de focar ou de mexer os olhos com tanta precisão, contudo estas capacidades vão se desenvolvendo ao longo do primeiro ano de vida do bebé.

No primeiro mês de vida do bebé, as suas pupilas são bastante pequenas, o que limita a quantidade de luz que entra nos olhos, por isso a sensibilidade à luz é muito baixa.

No segundo e terceiro mês de vida do bebé, este começa a desenvolver a visão muito rapidamente, por isso é necessário estimular a sua visão, através de cores fortes em objetos. Do quarto ao sexto mês de vida, o bebé já começa a desenvolver a percepção de profundidade.

Aos seis meses vários especialistas oftalmológicos recomendam que o bebé faça uma avaliação oftalmológica.

Ao décimo mês de vida é importante tomar atenção às luzes projetadas pelos aparelhos electrónicos, pois podem prejudicar a visão do bebé. Não é muito comum haver problemas visuais nos bebés, contudo nas crianças o caso pode ser diferente.

Nas crianças os sintomas que se podem manifestar, são:

  • Aproximar-se dos dispositivos eletrónicos ou dos objetos para ver melhor
  • Elevada sensibilidade à luz
  • Semicerrar os olhos para focar os objetos
  • Comichão nos olhos

É importante realizar frequentemente um rastreio visual nas crianças entre os 3 e os 5 anos de idade, dado que as grandes transformações podem ocorrer nestas faixas etárias, é necessário estar atento ao desenvolvimento visual das crianças. Um problema comum que pode ser corrigido inicialmente nestas idades, é o estrabismo.

Com a realização de um rastreio precoce, é possível evitar os défices visuais, que consequentemente podem ter repercussões maiores no futuro.

Visão dos Jovens

Em casa, na escola / faculdade ou no trabalho, a tecnologia está cada vez mais presente na vida dos jovens. São muitas as horas que passam em frente à televisão, ao computador, tablet ou smartphones. Começando assim a sofrerem de miopia, uma doença ocular que infelizmente afeta imensos jovens, reduzindo a qualidade da visão ao longe.
A tendência é de um aumento dos problemas de visão nos jovens adolescentes.

Os especialistas indicam que 2,5 milhões de portugueses sofrem de miopia, uma média de 25% da população. Este problema da visão bastante comum, consiste na redução da qualidade da visão à distância, ao longe. Segundo dados da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia.

Alguns dos sinais que se podem manifestar nos jovens:

  • Dor de cabeça ou desconforto nos olhos
  • Aproximação à televisão para ver bem
  • Lacrimejar constante
  • Dificuldade no desempenho escolar, provocado pela dificuldade de visão
  • Dificuldade de focagem
  • Visão sensível

Como proteger os seus olhos:

  • Faça pausas de alguns minutos por cada hora que passa em frente a um ecrã
  • Mantenha uma distância de pelo menos 50 centímetros da televisão ou ecrã do computador
  • Ajuste o brilho e a nitidez da imagem dos seus dispositivos
  • Pisque os olhos com frequência de modo a evitar que os mesmos fiquem secos
  • Diminua o tempo de uso dos aparelhos eletrónicos

Visão dos Jovens

Em casa, na escola / faculdade ou no trabalho, a tecnologia está cada vez mais presente na vida dos jovens. São muitas as horas que passam em frente à televisão, ao computador, tablet ou smartphones. Começando assim a sofrerem de miopia, uma doença ocular que infelizmente afeta imensos jovens, reduzindo a qualidade da visão ao longe.
A tendência é de um aumento dos problemas de visão nos jovens adolescentes.

Os especialistas indicam que 2,5 milhões de portugueses sofrem de miopia, uma média de 25% da população. Este problema da visão bastante comum, consiste na redução da qualidade da visão à distância, ao longe. Segundo dados da Sociedade Portuguesa de Oftalmologia.

Alguns dos sinais que se podem manifestar nos jovens:

  • Dor de cabeça ou desconforto nos olhos
  • Aproximação à televisão para ver bem
  • Lacrimejar constante
  • Dificuldade no desempenho escolar, provocado pela dificuldade de visão
  • Dificuldade de focagem
  • Visão sensível

Como proteger os seus olhos:

  • Faça pausas de alguns minutos por cada hora que passa em frente a um ecrã
  • Mantenha uma distância de pelo menos 50 centímetros da televisão ou ecrã do computador
  • Ajuste o brilho e a nitidez da imagem dos seus dispositivos
  • Pisque os olhos com frequência de modo a evitar que os mesmos fiquem secos
  • Diminua o tempo de uso dos aparelhos eletrónicos

Visão dos Adultos

Com a progressão da idade podem surgir novos problemas, principalmente a partir dos 40 anos. A Fábrica dos Óculos da Amadora considera que o rastreio visual a partir dessa idade tem de fazer parte dos cuidados primários da saúde.

A Fábrica dos Óculos da Amadora aconselha-o a estar atento aos primeiros aos sinais de alerta:

  • Visão turva
  • Diminuição da acuidade visual
  • Perda de visão
  • Sensibilidade à luz
  • Necessidade de afastar os textos para os conseguir ler

É comum a partir desta idade começar a perder algumas das capacidades de ver ao perto.

É importante a realização de um rastreio optométrico para perceber o estado da sua visão, e se existem sinais de envelhecimento dos seus olhos. Umas das soluções mais comuns para a dificuldade de visão ao perto são as lentes progressivas.

A Fábrica dos Óculos da Amadora recomenda o uso de óculos de sol com proteção solar adequada quando há exposição solar.

Sabia que o uso de óculos com proteção solar adequada funcionam para os seus olhos como o creme de proteção solar para a sua pele? Recomendamos o uso de óculos de sol com proteção solar adequada com proteção ultravioleta e não todos os que têm lentes escuras.

Alguns conselhos a ter:

  • Evite a exposição solar entre as 12h e as 16h
  • Opte por escolher armações resistentes a quedas
  • Realize exames de rastreio com alguma periodicidade

Visão dos Adultos

Com a progressão da idade podem surgir novos problemas, principalmente a partir dos 40 anos. A Fábrica dos Óculos da Amadora considera que o rastreio visual a partir dessa idade tem de fazer parte dos cuidados primários da saúde.

A Fábrica dos Óculos da Amadora aconselha-o a estar atento aos primeiros aos sinais de alerta:

  • Visão turva
  • Diminuição da acuidade visual
  • Perda de visão
  • Sensibilidade à luz
  • Necessidade de afastar os textos para os conseguir ler

É comum a partir desta idade começar a perder algumas das capacidades de ver ao perto.

É importante a realização de um rastreio optométrico para perceber o estado da sua visão, e se existem sinais de envelhecimento dos seus olhos. Umas das soluções mais comuns para a dificuldade de visão ao perto são as lentes progressivas.

A Fábrica dos Óculos da Amadora recomenda o uso de óculos de sol com proteção solar adequada quando há exposição solar.

Sabia que o uso de óculos com proteção solar adequada funcionam para os seus olhos como o creme de proteção solar para a sua pele? Recomendamos o uso de óculos de sol com proteção solar adequada com proteção ultravioleta e não todos os que têm lentes escuras.

Alguns conselhos a ter:

  • Evite a exposição solar entre as 12h e as 16h
  • Opte por escolher armações resistentes a quedas
  • Realize exames de rastreio com alguma periodicidade

Visão dos Idosos

A partir dos 60 anos é normal que os olhos comecem a dar mais sinais de falta de visão e outros problemas associados ao avanço da idade. O envelhecimento dos olhos é um processo natural, que acontece devido à perda de elasticidade e ao envelhecimento do cristalino.

A Fábrica dos Óculos da Amadora recomenda uma maior regularidade nas suas consultas de oftalmologia, pois assim permite uma maior prevenção e rapidez no tratamento de algumas doenças associadas a estas idades, tais como o glaucoma, cataratas, retinopatia diabética, entre outras.

Para atenuar estes problemas, a prevenção é mesmo a melhor solução. Por isso é necessário consultar um especialista de saúde visual de 12 em 12 meses. Para garantir que quaisquer alterações sejam detetadas a tempo de serem tratadas.

Através do exame de pressão ocular é possível verificar a existência de glaucoma. Uma das principais causas de cegueira. É uma doença silenciosa, pois não apresenta sintomas no seu aparecimento, por isso é que são importantes os rastreios.

Ao examinar o cristalino do seu olho, podem ser detetados os primeiros sinais de cataratas.

Os danos nas artérias e nos vasos sanguíneos do seu olho, por vezes apresentam pistas ao oftalmologista sobre a presença de diabetes, pressão alta, danos relacionados com o colesterol e outras doenças de sangue.

Uma melhor qualidade na visão de um idoso reflete-se na qualidade de vida do mesmo, pois, todos sabemos que os idosos com melhor visão sofrem menos quedas, cometem menos erros com medicações, apresentam menos depressão e menor isolamento social, são mais independentes e têm melhor qualidade de vida nas suas casas, com menos perturbações emocionais, as quais, quando presentes, são atenuadas pela assistência médica adequada.

A falta de visão pode levar a inúmeros problemas psicológicos, tais como a independência, a sua dignidade e muito importante a sua confiança e auto-estima.

Visão dos Idosos

A partir dos 60 anos é normal que os olhos comecem a dar mais sinais de falta de visão e outros problemas associados ao avanço da idade. O envelhecimento dos olhos é um processo natural, que acontece devido à perda de elasticidade e ao envelhecimento do cristalino.

A Fábrica dos Óculos da Amadora recomenda uma maior regularidade nas suas consultas de oftalmologia, pois assim permite uma maior prevenção e rapidez no tratamento de algumas doenças associadas a estas idades, tais como o glaucoma, cataratas, retinopatia diabética, entre outras.

Para atenuar estes problemas, a prevenção é mesmo a melhor solução. Por isso é necessário consultar um especialista de saúde visual de 12 em 12 meses. Para garantir que quaisquer alterações sejam detetadas a tempo de serem tratadas.

Através do exame de pressão ocular é possível verificar a existência de glaucoma. Uma das principais causas de cegueira. É uma doença silenciosa, pois não apresenta sintomas no seu aparecimento, por isso é que são importantes os rastreios.

Ao examinar o cristalino do seu olho, podem ser detetados os primeiros sinais de cataratas.

Os danos nas artérias e nos vasos sanguíneos do seu olho, por vezes apresentam pistas ao oftalmologista sobre a presença de diabetes, pressão alta, danos relacionados com o colesterol e outras doenças de sangue.

Uma melhor qualidade na visão de um idoso reflete-se na qualidade de vida do mesmo, pois, todos sabemos que os idosos com melhor visão sofrem menos quedas, cometem menos erros com medicações, apresentam menos depressão e menor isolamento social, são mais independentes e têm melhor qualidade de vida nas suas casas, com menos perturbações emocionais, as quais, quando presentes, são atenuadas pela assistência médica adequada.

A falta de visão pode levar a inúmeros problemas psicológicos, tais como a independência, a sua dignidade e muito importante a sua confiança e auto-estima.